O riso de um olhar

27/08/2008

O riso de teu olhar
conquistou meus olhos tristes
Sorri para o luar
não mais com olhos tristes

O riso de meu olhar conquistou
luar minguante e triste

Luar minguante alegre
conquistou olhares tristes

Ah…quanto efeito em um só olhar

Que fez meu olhar
Que fez luar
Que fez olhares
não mais brilharem tristes

Eu tenho um desejo !

Nos dias que lua nova entrar
e o céu estiver escuro sem brilho,
deveria substituir por riso olhar

Seu riso olhar !

E as fases lunares seriam assim….

Riso olhar
Quarto crescente
Lua cheia
Quarto minguante

(Pergentino Júnior)

Anúncios

Mário Henrique Leiria – Poeta português

27/08/2008

“Escuta amor…

talvez um dia
em que em mim já nada mais exista
te lembres de dois braços
que te abraçaram convulsivamente
nessa altura
deixa que os lábios te sangrem
deixa que o sangue
te corra pelo peito

e as mãos
essas
abandona-as…”

“Para uma menina com uma flor”

27/08/2008

“…Para uma menina com uma flor”… Porque você é uma menina com uma flor e tem uma voz que não sai, eu lhe prometo amor eterno, salvo se você bater pino, o que, aliás, você não vai nunca porque você acorda tarde, tem um ar recuado e gosta de brigadeiro: quero dizer, o doce feito com leite condensado…

(Vinícius de Moraes)

Amizade

27/08/2008

Amizade sincera
é aquela que supera
todas as crises e fracassos
num aperto de mão e num abraço.

Amizade verdadeira
é aquela que se encara
de uma maneira ordeira
os problemas cara a cara.

Amizade confiante
é aquela para todos os instantes
nos momentos de alegrias ou de dor
nas amarguras ou no amor.

Amizade falsa
é aquela apenas por interesse
quando consegue o que quer se afasta
como se nada houvesse.

Amizade duradoura
é aquela para sempre,
para toda a vida,
para eternamente.

E como amigo
eu digo:
mais vale a amizade sentida
do que aquela apenas representada.

(Isaías Barbosa)